Mensagem do Presidente

A Associação Académica de Espinho foi fundado em janeiro de 1938 por um grupo de estudantes do então Colégio S. Luis com idades compreendidas entre os 14 e os 18 anos. Poucos anos depois estava a competir em várias modalidades desportivas, entre as quais o voleibol, o hóquei em patins, o hóquei em campo, o ténis de mesa, etc. Para além da vertente desportiva, a Associação Académica de Espinho tinha duas outras áreas de grande afirmação. Uma de acção social e recreativa ( orfeão, palestras, bailes, etc) e a outra mais vocacionada para a acção cultural e artística ( o boletim e o rumo).

Lentamente foi-se afirmando como uma coletividade de grande prestígio local, regional e nacional, não só pela atividade desportiva, mas também pela qualidade dos seus dirigentes, muito deles virão a ocupar cargos de relevo nos mais variados domínios.

Mais de trinta anos em instalações emprestadas, a Associação Académica de Espinho inaugura o seu pavilhão Arq. Jerónimo Reis em 1969, pelo que conta já com cerca de 50 anos de idade.

Apesar de ainda cumprir com as suas funções desportivas, o nosso pavilhão precisa urgentemente de obras de requalificação e adaptação a novas realidades. Por outro lado, a Associação Académica de Espinho vive há muitos anos sem uma sede digna, sabendo que este local é a alma de um clube, que serve de ponto de encontro entre os seus associados e onde se encontra sediada a sua história.

Desta forma os Órgãos Sociais da AAE decidiram dar início a um projeto com o objetivo de colmatar aquelas necessidades, conscientes das dificuldades e da morosidade que este importante passo implica.

Com a ajuda de todos vamos conseguir projetar o clube para os próximos anos, a bem dos nossos atletas e sócios e dignificando cada vez mais o nosso grandioso clube.

Neste momento de aniversário desejo que todos participem com muita alegria e orgulho nestes oitenta anos de vida.

Via a Associação Académica de Espinho.

Saudações académicas

José António Lacerda